sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Memórias: Regionalismos

Abada – colo ou regaço
Abelha – Táxi de 4 lugares
Adoelas – Costelas
Agua de giro – período que distancia uma rega da outra
Abicar-se – Precipitar-se; suicidar-se
Achada – Pequena planície entre terrenos acidentados. Muito empregado toponimicamente (ex. Achada do Pereiro, Achada da Cruz)
Adornar – Adormecer
Ajuntar – Apanhar qualquer coisa caída do chão
Alcançado – Envergonhado
Amancebado – união não matrimonial
Aposinhar – Espesinhar; ferir
Aprantar – plantar
Arcas – Costas
Arrabaçado – aldrabado
Arrebentão – Trecho de estrada muito declivosa
Arrebendita – de vingança ou de propósito
Arregoa – Fenda; pequena abertura
Arribar – Melhorar de saúde
Artejar – Ter pretensões a engraçado
Atazanar – Incomodar com insistência; perseguir
Atremar – Compreender; entender
Atupir – Enterrar os animais que morrem
Azoigar – Morrer (quando se fala de animais)
Azougue – íman
Azuada – barulho da agua ou sons confusos
Bábada – Pequena excrescência passageira na pele
Bacorinho – Suíno recém-nascido ou de poucos meses
Balaio – cesto de cana vieira
Baginha (baja) – Feijão em meio crescimento e destinado a ser cozinhado
Baia – Repreensão; tareia
Bandulho – Barriga; ventre
Barreleiro – cestos de vimes de tamanho médio (normalmente são utilizados nas vindimas)
Batata – Significa só batata-doce
Batoque – Rolha
Bilhardice – comentário da vida dos outros
Bisalho – Pintainho
Bizalho – Galinha pequena
Bolo do Caco – pão achatado
Borracho – Bexiga que leva o vinho nas romarias
Braguinha – Pequeno instrumento de corda peculiar
Brindeiro – Pão Pequeno
Bucho encostado ou virado – Certos incómodos nos intestinos que se curam com massagens Busico – Coisa pequena; criança
Cabouco – Cova; buraco; profundidade
Cagatório – Casa de banho
Calhau – Praia pedregosa formada de pequenos calhaus rolados
Cangalho – coisa velha ou coisa grande. Também se aplica a uma home alto
Canjirão – Caneca Grande
Cangueira – Cãibra
Canhota – inhame ou pimpinela
Chibarro – Cabrito; homem traído pela mulher
Chorrica – Diarreia
Comer estreme – comer sem acompanhamento
Debulhar – Extrair o debulho
Demitado – de propósito
Desfrancelhado – Com o cabelo mal cuidado
Desprestado – Com pouco préstimo
Destaivado – Leviano; pouco ajuizado
Dormente – Entorpecido; com pouca acção
Emantado – Triste e sem movimento
Ementes – por enquanto
Enpandeirado – Diz-se do ventre inchado
Enfiado – Lívido; tomado de susto
Entejar – Enfastiar-se
Escangalhar – Destruir
Esfrancelhado – Despenteado
Espetada – Carne no espeto
Está a cair peneirinho – chuviscar
Esteio – Interrupção passageira da chuva
Estupor – expressão ofensiva ou expressão carinhosa
Fagulha – Faulha
Fajã – Terreno de maior ou menor extensão formado pela queda de terrenos situados a montante, sendo geralmente bastante produtico. Muito empregado toponímicamente.
Favento – Carcomido
Ferrar – Entrar em briga
Fiar – Vender a crédito
Fogage – Fogagem
Fornicoque – Ataque de nervos
Furado – Túnel
Furrica ou churrica – Diarreia
Gadanhos – Dedos; mãos
Gamelão – Vasilha de pedra em que se deita o alimento aos suínos
Giro – Período de tempo de irrigação que medeia entre uma rega e a subsequente
Gosma – Miséria com inveja
Granha – Cabelo
Graveto – Ramo ou aste de plantas sem folhas
Horário – Autocarro
Harmónio – Instrumento musical conhecido por "gaita" ou "caixa de foles"
Infusa – Vasilha de barro bojuda e de gargalo estreito com asa para transportar água
Invejidade – Inveja
Jaca – Pequeno carangueijo
Jaleco – Pequeno casaco sem mangas
Joeira – Papagaio
Lambar – Engolir; comer com muito apetite
Lanço (da levada) – Divisão ou ramal do caudal para a irrigação em mais de um lugar
Lapeiro – O que apanha lapas
Lapinha – Presépio de natal
Leste – Vento violento que sopra dos lados da costa africana com aumento de temperatura e secura da atmosfera
Levada – Aqueduto que conduz a água para irrigação
Levadeiro – Aquele que distribui as águas de irrigação
Lombo – Encosta ou vertente de terrenos elevados; é muito usado toponímicamente (exemplo: Lombo do Urzal)
Malandro – Preguiçoso
Mamulhão – Inchaço causado por pancada
Maneja – Do inglês "manager": chefe em algum serviço
Mangra – Doença da vinha
Molhelha ou tafulho – almofada para transporte de cargas
Matagueira – Matagal
Matracada – Ruido; barulho
Melro – Pássaro
Mexilhão – Mexe em tudo
Mijoca – Bebida ordinária
Moleira – Cérebro
Modilhos – Expressões faciais estranhas
Monquecos – Metidos consigo
Nojência – Coisa imunda e repugnante
Nona – Anona
Noveleiros – Hortênsias
O céu está forrado – o céu está nublado
Obrar – Defecar
Olho-de-boi – lanterna
Olhado – Mau olhar que se atribui a certas pessoas com efeito
Olheirento – Pessoa com olheiras
Pá – Omoplata
Paleio – Conversa
Palheiro – Curral; estábulo
Palhetas – Fósforos
Pampulhão – Pancada
Pancume – porrada
Parafitas – Ir a correr
Patachada – Frase indecente e ofensiva proferida com raiva
Patinhar – Pôr os pés sobre certos objectos
Passadas – degraus
Pecar – Vegetal que para de crescer antes do tempo
Pegar – Provocar uma briga
Pelica – Cerat qualidade de cabedal
Pife – Pífaro
Pilhote – Pulo
Pimpinela – vegetal
Pilhancas – Alguém muito magro
Poia – Excremento; fezes
Poio – Pequenos sucalcos cultivados
Poncha – Bebida tradicional preparada com aguardente, mel de abelha e limão
Profeta – Habitante do Porto Santo
Pucra – Vasilha de barro
Quebrada – Desabamento de terras devido à acção das chuvas
Queixada – Bochecha
Rabalhusco – Resingão
Rabanada – Voltar as costas em caso de discussão com outra pessoa
Racha – Fenda. Acha de lenha
Rajão – Instrumento musical de cordas
Rama – Planta de batata doce
Rancheira – Táxi de 9 lugares
Rebendita – Acção de contrariar propositadamente
Refegão – Golpe de vento inesperado e violento
Refilho – Rebento das plantas
Refundiar – Procurar minuciosamente
Reina – Raiva
Relampada – Bofetada
Renhir – Discutir
Resonda – Repreensão áspera e ofensiva
Roeza – Sensação de fome
Sarnica – Pequena erupção na pele
Sarrado – Encerrado, fechado
Sauma ou Saruga – Ramos ou agulhas dos pinheiros
Semilha – Batata (excluindo a batata doce)
Sentido – Pensamento
Soeira – Casaco de Malha
Soquete – Puxão ou movimento brusco
Samarra -casaco de malha
Sovento – Pouco limpo e asseado
Tachada – Bebedeira
Tacho – Vasilha de folha
Tapassol – Persiana
Tarraço – Alcoólico
Trambolho – Coisa ou pessoa disforme
Trompicar – Cair, escorregar
Useiro e veseiro – Que faz algo muitas vezes
Vadio – Preguiçoso
Variado – Pessoa que tem pouco juizo
Vasola – Mentiroso; exagerado
Venda – mercearia
Vendeiro – Merceeiro
Verga – Fio de metal
Ventas – cara ou rosto
Vidro – Frasco
Vilão / viloa – Habitantes dos campos
Vinhosca – Vinho ordinário
Zangarilha – Individuo cuo modo de andar é desconjuntado
Zarabulhento – Desordeiro
Zoada – Sons confusos ou intelígiveis

Sem comentários: